quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Caro Vilão...

   O tempo esta correndo rápido e minhas forças estão se esgotando, me sinto cada vez mais fraco, apesar da minha aparência de super herói. Quebro barreiras da tristeza e da angustia, e traço caminhos de dor e desespero, me puxaram para o fundo do poço, não tenho mais poderes, não tenho mais sentimentos. Um baú vazio jogado ao mar. 
   Meu sangue escorre no lugar do suor, a vingança machuca, mas garanto que irá machucar mais ainda a quem é destinada. 
   Estas palavras escritas no mais podre papel que tinha eu deixo na porta dessa merda de casa em que vive. 
   A vingança será cumprida caro vilão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário